segunda-feira, 23 de novembro de 2009

O Gaúcho João Augusto Vieira e Sua Égua Mortos em Atropelamento.


Dia 20-11-2009 À zero hora desta quinta-feira (19), cavaleiro e égua foram atropelados na BR-277, pista sentido Norte, e ambos morreram. João Augusto Vieira (22), saiu do Torneio de Laço do Pianaro, com a sua égua e, como sempre fazia, voltava para casa, no Rivabem, em sua montaria. Ao atravessar a BR-277 o conjunto foi atropelado pela ca-minhonete Ford Ranger ADS-4600, de Colombo, dirigida por José Eri Novaes Prestes (57). O choque da caminhonete com o animal causou a morte do cavaleiro e do animal, instantaneamente, além de ferimentos na esposa do


motorista da caminhonete, Ilza Maria Ribeiro Frogel (60), com Traumatismo Cranioencefálico leve. Equipes da RodoNorte e do Siate estiveram no local, Ilza foi socorrida por equipes da RodoNorte, Samu e do Siate, e encaminhada ao Hospital Nossa Senhora do Rocio.
João Augusto era domador e ferrador (aplicava ferraduras nos cavalos), era bastante conhecido na região por ser um rapaz trabalhador. Seu corpo ficou no acostamento e a égua morto sobre a faixa de tráfego. O trânsito foi alterado, com engarrafamento e depois ficou lento por cerca de uma hora, até à retirada do veículo sinistrado, da égua e do corpo do cavaleiro, que foi levado para o Instituto Médico Legal, em Curitiba.
fonte: chasque do conhaque

2 comentários:

luimir disse...

João não era apenas mais um amigo...ele era um irmão...guri bom, trabalhador amava sua vida de peão, que Deus acolha ele com seu abraço de pai, sua falta é muito grande, mas aqui nós iremos nos recordar de tudo que você fez por nóis......Repousa o corpo tranqüilo
no funeral da coxilha
terra bordada em flechilha
é o catre de quem retorna
a tarde em comprida forma
das guanxumas e alecrins
não há tristezas nem fins
na morte que o campo adorna

Luimir Cequinel Filho

Anônimo disse...

Por imprudência, pessoas boas pagam com a vida e deixam sofrimento para amigos e familiares.